Pular para o conteúdo principal

Azeite e outros óleos vegetais: mocinhos ou vilões da sua dieta?

Por Diana Von Borell - Nutricionista Convidada

Quando estamos FOCAdas em perder peso com saúde, nos preocupamos logo em nos exercitar e também com nossa alimentação, certo?


Logo aprendemos que passar fome não nos faz emagrecer com saúde e que o cuidado com o que comemos e COMO fazemos nossas refeições são fundamentais.


Mas se não temos uma orientação de um profissional podemos cometer alguns erros, como usar azeite para cozinhar, fritar e encharcar a salada com ele!

Entenda por que não é o ideal...

Os óleos vegetais se diferem da gordura animal por possuírem tipos de gorduras benéficas ao organismo, controlando os níveis de colesterol no sangue, fazendo bem ao sistema cardiovascular, entre outros benefícios.

Mas... Cuidado!

Esses óleos também têm (em quantidade menor, mas têm) a gordura saturada - nossa inimiga!

Por isso o consumo desses também deve ser controlado, além do que são calóricos e caloria em excesso faz aumentar "aquele pneuzinho" do qual estamos loucas para nos livrar!

O que fazer, então, para que as refeições fiquem mais saudáveis no aspecto gordura?

É só saber utilizar os óleos vegetais de forma adequada e sem abusar das quantidades.

Os óleos possuem termo-sensibilidade diferente, ou seja, alguns são mais resistentes ao calor que outros.

Quando o óleo queima (saindo aquela fumacinha) ele perde suas propriedades naturalmente benéficas, se tornando uma gordura de má qualidade e ainda forma a acroleína - uma substância cancerígena.

Indicação:

- Fritura: óleo de milho ou de soja (mas evite ao máximo essa forma de preparo, pois torna o alimento muito mais calórico).
- Cozinhar/Refogar: óleo de girassol, canola ou milho.
- Temperar salada: azeite ou óleo de linhaça.

Quantidades:

- Usar um fio de óleo para refogar.
- Usar de 1 a 2 colheres de chá de azeite para temperar a salada no seu prato, dependendo da quantidade. O ideal é fazer um tempero caseiro com azeite, vinagre e ou limão, uma pitada de sal e orégano.

Mais dicas:

- Azeite Composto corresponde à mistura de tipos de óleos. Seu uso não é aconselhado. Compre-os separadamente.
- Azeite de dendê possui muita gordura saturada.
- Prefira o azeite extravirgem.
- A gordura da manteiga é de origem animal, ou seja, possui muita gordura saturada e colesterol.

Boa sorte!


Diana von Borell
Nutricionista

daiaborell@yahoo.com.br

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Planner Diário: Organize seu dia

A gente sempre sabe que precisa ser mais organizada, mas o que acontece é que a rotina nos engole e vamos deixando as coisas pelo caminho, não é mesmo?

Para ajudar a retomar as rédeas da nossa vida e do nosso destino, montei esse planner diário que vai facilitar e muito a organização do seu dia a dia !



É só imprimir e começar a usar!

O que? Não tem impressora ?

Pega uma folha de papel e crie o seu a partir deste modelinho!

Fez?
Posta e me marca que eu quero ver tá?

Um beijo e Foca na Organização

Como Participar do Foca na Balança

A primeira pergunta que todo mundo que chega por aqui faz é essa: "Como posso participar do Foca na Balança?"
Para eliminar toda e qualquer tipo de dúvida que possa surgir, preparei este post para vocês, vamos lá?


Treinamento Funcional na Praia
Nossas aulas de Treinamento Funcional na Praia acontecem todas as segundas, quartas e sextas às 9 da manhã, nas areias da praia do Canal 3 em Santos*, atrás da Concha Acústica.


A primeira aula é grátis e você pode agendar a sua participação enviando uma mensagem pelo nosso Instagram ou Facebook.

* Em caso de chuva forte com raios o treino é cancelado.

Caminhadas Mensais Gratuitas
O nosso grupo inicialmente realizava caminhadas diárias no período da noite nas areias da praia de Santos.

Atualmente, as caminhadas são sempre temáticas e realizadas um sábado por mês, com programação divulgada previamente em nossas redes sociais, saindo entre 9:30/10 da manhã do mesmo local onde as aulas de Funcional são realizadas, no Canal 3, em frente à C…

Papo de Psicóloga: Planejamento

Por Karina Alvarez Lopes e Aragão - Psicóloga
Um grande aliado de qualquer projeto inclusive reeducação alimentar e dieta é o PLANEJAMENTO.
Nós já falamos de motivação, que vêm a ser o primeiro passo, mas conhecer os seus motivos e parar por aí não leva ninguém a lugar nenhum. Depois de listar porque queremos emagrecer,devemos listar como vamos emagrecer .
É interessante lembrar que temos duas grandes questões a serem trabalhadas:
Reeducação alimentarAtividade Física
Para reeducação alimentar devemos ter alimentos saudáveis disponíveis e então levantar os seguintes questionamentos: 
Quem/quando vai comprar?
Quem/quando vai preparar?
Qual o cardápio que vamos seguir?
Quais são as exceções da dieta? 
Lembre-se que, sem planejamento a probabilidade de atacar um pacote de bolacha recheada na hora da fome aumenta exponencialmente, agora, se houver cenourinhas cortadas em palitos disponíveis na hora que bate aquela fominha. fica mais fácil resistir não é mesmo?
Para tanto, minha sugestão é q…