Pular para o conteúdo principal

Papo de Fisioterapeuta - Problemas respiratórios em crianças. Como prevenir!

Por Raquel Vasques Escobar - Fisioterapeuta


Com a chegada do outono e inverno, dificilmente conseguimos nos livrar de problemas respiratórios e as crianças e idosos comumente são os que mais sofrem durante estas estações do ano.

Algumas medidas simples podem nos ajudar a prevenir alergias respiratórias e evitar a transmissão de gripes e resfriados.

Primeiramente um esclarecimento importante: gripe e resfriado são situações distintas.

Normalmente as pessoas acreditam estar gripadas, mas, na grande maioria das vezes é apenas um resfriado.

A Gripe é uma doença infecciosa causada pelo vírus influenza, é altamente contagiosa e de fácil transmissão. E por que estou ressaltando isso? 

Porque a transmissão ocorre por espirros e tosse, e muitas vezes nós apresentamos este quadro e não nos cuidamos devidamente e acabamos transmitindo a nossas crianças.

A gripe pode evoluir para complicações secundárias como pneumonia e as crianças com doenças  respiratórias crônicas (asma, bronquite e rinite) são mais susceptíveis às complicações. Já o resfriado apresenta sintomas mais simples como coriza, embora também seja causado por vírus. 

Divido com vocês amigas mães, alguns cuidados simples, mas, que podem ajudar muito:

¸ Primeiramente, mantenha a boa higiene das mãos, pois elas acabam sendo o principal veículo de contaminação. Eu aconselho sempre manter um frasquinho de álcool gel em sua bolsa.

¸ Procure evitar locais aglomerados e com pouca circulação de ar como, por exemplo, Shoppings. principalmente se seu bebê tiver menos que quatro meses.

¸ Mantenha o organismo hidratado, a água é importantíssima, pois ajuda a fluidificar secreções.

¸ Evite fumar e expor seus filhos a ambiente com muita poeira ou fumaça;

¸ Mantenha o ambiente arejado! As bactérias se concentram em locais fechados.

¸ Evite o contato com pessoas gripadas ou com resfriados, pois essas doenças são facilmente adquiridas pelo ar;

¸ Roupas de cama, edredons, protetores de berço e almofadas devem ser periodicamente higienizados;

¸ Evite tapetes e carpetes, esses sim são vilões para quadros respiratórios alérgicos.


Cuidados específicos:

¸ Ofereça água e líquidos rotineiramente,

¸ Lave o nariz de seu filho de 3 a 4 vezes ao dia com solução fisiológica, o spray acaba sendo mais indicado por não ter conservantes. Eu particularmente gosto bastante de um Spray chamado Nasoclean. Dica: 
Eu sempre lavo o nariz de minha filha ao voltar da escola e de ambientes fechados como shopping ou aniversários.

¸ Procure manter a cabeceira da cama ou berço elevada (30 graus), essa posição pode evitar o risco de refluxo gastresofágico e melhora a sincronia da respiração principalmente em situações de obstrução nasal. 

¸ Assim que seus filhos compreenderem bem, você deve instruí-los a respirarem pelo nariz, que tem a função de filtrar e umidificar o ar.

¸ Prefira sempre realizar atividades com seu filho em ambientes abertos, e, quando em casa, procure manter as janelas abertas, mesmo no frio!

¸ A inalação com solução fisiológica também pode ser utilizada com o intuito de fluidificar as secreções e facilitar sua remoção.

¸ A alimentação deve ser balanceada com sopas e caldos ricos em verduras e legumes. As frutas são essenciais, principalmente aquelas que contêm vitamina C.

¸ Embora adorados por nossos pequenos, bichos de pelúcia devem ser evitados. De preferência ofereça aqueles sem pelos e antialérgicos, que podem ser lavados. Com isso você irá minimizar o acúmulo de poeira e ácaros que acabam piorando ainda mais os problemas respiratórios.

IMPORTANTE: Em qualquer situação de alterações do quadro respiratório procure sempre a orientação médica. NÃO utilize medicamentos sem orientação médica!

Toda detecção precoce, leva a cura precoce também!!!

Um grande abraço,
Raquel Escobar
#focanaprevenção # focanasaúde #focanabalança

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Planner Diário: Organize seu dia

A gente sempre sabe que precisa ser mais organizada, mas o que acontece é que a rotina nos engole e vamos deixando as coisas pelo caminho, não é mesmo?

Para ajudar a retomar as rédeas da nossa vida e do nosso destino, montei esse planner diário que vai facilitar e muito a organização do seu dia a dia !



É só imprimir e começar a usar!

O que? Não tem impressora ?

Pega uma folha de papel e crie o seu a partir deste modelinho!

Fez?
Posta e me marca que eu quero ver tá?

Um beijo e Foca na Organização

Como Participar do Foca na Balança

A primeira pergunta que todo mundo que chega por aqui faz é essa: "Como posso participar do Foca na Balança?"
Para eliminar toda e qualquer tipo de dúvida que possa surgir, preparei este post para vocês, vamos lá?


Treinamento Funcional na Praia
Nossas aulas de Treinamento Funcional na Praia acontecem todas as segundas, quartas e sextas às 9 da manhã, nas areias da praia do Canal 3 em Santos*, atrás da Concha Acústica.


A primeira aula é grátis e você pode agendar a sua participação enviando uma mensagem pelo nosso Instagram ou Facebook.

* Em caso de chuva forte com raios o treino é cancelado.

Caminhadas Mensais Gratuitas
O nosso grupo inicialmente realizava caminhadas diárias no período da noite nas areias da praia de Santos.

Atualmente, as caminhadas são sempre temáticas e realizadas um sábado por mês, com programação divulgada previamente em nossas redes sociais, saindo entre 9:30/10 da manhã do mesmo local onde as aulas de Funcional são realizadas, no Canal 3, em frente à C…

Papo de Psicóloga: Planejamento

Por Karina Alvarez Lopes e Aragão - Psicóloga
Um grande aliado de qualquer projeto inclusive reeducação alimentar e dieta é o PLANEJAMENTO.
Nós já falamos de motivação, que vêm a ser o primeiro passo, mas conhecer os seus motivos e parar por aí não leva ninguém a lugar nenhum. Depois de listar porque queremos emagrecer,devemos listar como vamos emagrecer .
É interessante lembrar que temos duas grandes questões a serem trabalhadas:
Reeducação alimentarAtividade Física
Para reeducação alimentar devemos ter alimentos saudáveis disponíveis e então levantar os seguintes questionamentos: 
Quem/quando vai comprar?
Quem/quando vai preparar?
Qual o cardápio que vamos seguir?
Quais são as exceções da dieta? 
Lembre-se que, sem planejamento a probabilidade de atacar um pacote de bolacha recheada na hora da fome aumenta exponencialmente, agora, se houver cenourinhas cortadas em palitos disponíveis na hora que bate aquela fominha. fica mais fácil resistir não é mesmo?
Para tanto, minha sugestão é q…