Pular para o conteúdo principal

Reflexões a cerca da maternidade - Parte 1

Dia das Mães chegando e é inevitável falar sobre este maravilhoso mundo !

Vou contar hoje para vocês a minha história com a maternidade, o meu sentimento, o meu posicionamento quanto ao que me aconteceu.

Não julgo ninguém pelos seus atos e muito menos condeno as pessoas então, ao lerem o texto, saibam que estarei dando a MINHA opinião sobre o que aconteceu na minha vida.

Dito isto, vamos lá.

Sabe aquele caderninho de perguntas, que todo mundo respondia quando era criança?

Na pergunta: Qual seu sonho? Eu sempre respondia:

- Casar, Ter Filhos e Ser Feliz !

Bom, hoje posso dizer que realizei plenamente as três coisas e que ter filhos me tornou uma pessoa muito mas muito diferente do que eu era antes.

Sempre sonhei em ser mãe, não podia ver criança que eu já saia cuidando. Pode perguntar pra minha prima, que hoje tem 16 anos, como eu cuidei dela - e ainda cuido - como se fosse minha filha !

Quando engravidei do Henrique foi como um sonho realizado mesmo ! A gestação foi incrível, perfeita !

Engordei 10 kg, pratiquei exercícios por toda a gravidez, nadei até os 8 meses e meio de barrigão.

Mas nos finalmentes fui deixada levar pelo meu médico na época que dizia que "Se com 40 semanas eu não tinha dilatado ainda, significava que eu não iria dilatar mais."

E lá fui eu pra faca, feliz, na época, por achar que realmente o melhor estava sendo feito por mim.

Henrique nasceu no dia 01 de setembro, Dia do Professor de Educação Física e do Corinthians, (duas coisas que fazem parte da minha vida), mas se eu tivesse tido a chance, eu esperaria a vez dele escolher o dia em que ele estava pronto para nascer.

Mesmo morrendo de medo da cesárea eu era só sorrisos

A clássica foto, amarrada e com o bebê pendurado para o beijo "da foto"

Meu colostro desceu bem rápido e Henrique era um bezerrinho

Bom, ele nasceu, foi realmente maravilhoso, a minha recuperação com a cesárea não foi das piores e se iniciou o melhor dos mundos para mim, o de finalmente, ser mãe !

Henrique, meu sonho realizado me ensina muito a cada dia, me faz crer em um mundo melhor, ter ele como filho é muito mais do que um privilégio. Ele é uma criança mais do que especial em todos os sentidos !

O amor que eu sinto por ele é tão maluco que dói e me faz chorar !

Tenho certeza que as mães amigas vão entender o que estou falando ...

4 anos se passaram e eu engravidei outra vez, duvidando que eu conseguiria amar com a mesma intensidade esse novo ser que eu gerava em meu ventre e...

Continua no próximo post ...


Um beijo 
Lia

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Papo de Psicóloga: Planejamento

Por Karina Alvarez Lopes e Aragão - Psicóloga
Um grande aliado de qualquer projeto inclusive reeducação alimentar e dieta é o PLANEJAMENTO.
Nós já falamos de motivação, que vêm a ser o primeiro passo, mas conhecer os seus motivos e parar por aí não leva ninguém a lugar nenhum. Depois de listar porque queremos emagrecer,devemos listar como vamos emagrecer .
É interessante lembrar que temos duas grandes questões a serem trabalhadas:
Reeducação alimentarAtividade Física
Para reeducação alimentar devemos ter alimentos saudáveis disponíveis e então levantar os seguintes questionamentos: 
Quem/quando vai comprar?
Quem/quando vai preparar?
Qual o cardápio que vamos seguir?
Quais são as exceções da dieta? 
Lembre-se que, sem planejamento a probabilidade de atacar um pacote de bolacha recheada na hora da fome aumenta exponencialmente, agora, se houver cenourinhas cortadas em palitos disponíveis na hora que bate aquela fominha. fica mais fácil resistir não é mesmo?
Para tanto, minha sugestão é q…

Meta 1 - Concluída com Sucesso !!

Como toda quarta feira, hoje pela manhã eu me pesei.

Sabia que estava bem perto da minha meta, já que na semana passada a balança marcou 65,8 kg.
A minha meta de número 1, quando comecei o projeto em 13/02, era de chegar no peso que engravidei do meu segundo filho Miguel, os 65 kg.
Mas Lia, você me pergunta, como assim meta número 1?
Eu explico!
Todas as metas devem ser adaptáveis. A gente nunca deve estipular uma meta "x" e pronto.
Se for assim, a gente chega lá (e não importa o quanto demore) e quando chega, faz o que?

Volta à vida de antes?
Nesse raciocínio, tracei 3 metas (e não coloquei prazo para alcançá-las):
1- A mais "fácil" - 65 kg 2 - A de dificuldade média - 62 kg 3 - A muito difícil - Manter o peso eliminado bem longe e tonificar a musculatura (esta última para durar a vida toda).
Pois bem, subi na balança e ela SORRIU o riso mais lindo de todos os tempos marcando:

Sim, Sra e Srs !!!! 64,5 kg !!!!

0,500 a menos do que eu havia estipulado !!!

E como che…

Sorteio Camiseta Foca na Balança

Meninas, hoje estou lançando o primeiro sorteio aqui do Blog.

Iremos sortear uma camiseta Foca na Balança !

A camiseta vai na cor azul e no tamanho G, caso a ganhadora prefira outro tamanho deverá aguardar o prazo de produção de uma nova remessa, que leva cerca de 20 dias.

Se este tamanho estiver ok, o prêmio será enviado em até 2 dias após a confirmação da ganhadora ou do ganhador.

Enviarei, sem custos ao sorteado, pelos Correios na modalidade PAC.

Sortearemos pelo programa Randon.org no dia 19 de abril e o resultado será publicado simultaneamente aqui, na Fanpage e em nosso Instagram.

Cadastrem seus e-mails que mais acessam no formulário pois entrarei em contato e a vencedora (ou o vencedor) terá 48 horas para retornar meu "chamado de confirmação".

Caso passem as 48 horas e eu não consiga o retorno do vencedor, será realizado um novo sorteio.



Para participar é só seguir atentamente as regras abaixo:

1 - Preencher o Formulário Completo

2 - Ter endereço de envio no Brasil

3 …